quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Sobre o nascimento da Gabí!!!


Gente, as últimas semanas têm sido uma loucura! Isto porque NASCEU A NOSSA PRINCESINHA! Ela veio ao mundo no dia 19 de dezembro de uma forma meio inesperada. Vou tentar recapitular tudo o que aconteceu.

15/12 (quarta): Estava eu faceira trabalhando e levando vida normal (ou seja, correndo! rsrsrs). Fui com a minha mãe ao cabelereiro e ficamos brincando sobre como seria engraçado se a bolsa estourasse no meio da execução da escova!
Cheguei em casa e... susto! Havia expelido um pouco de sangue. Liguei para a minha médica que me aconselhou ir ao hospital pois ela não estava na cidade e não conseguiria me ver imediatamente. No hospital fiz o MAP (exame que acompanha, durante cerca de 45 minutos, os movimentos fetais e os batimentos cadíacos do bebê). O resultado foi normal. O colo do útero estava fechado, mas eu estava tendo contrações. O sangue provavelmente era proveniente da perda do "tampão".
- Isso significa que eu estou em trabalho de parto? Perguntei, mais tarde, à minha médica.
- Não necessariamente. As vezes o tampão se rompe mas o processo pode levar desde horas até semanas... Ela respondeu.

16/12 (quinta): Fechei a 36ª semana indo trabalhar normalmente. Estava me sentindo ótima e ansiosa para fazer nova ecografia à tarde. Na última eco a bebê tinha baixado de percentil (de 50 para 25). Mas, como eu fiz repouso e ganhei peso, estava certa de que ela estava mais gordinha.
No exame, tudo aparentemente normal. Porém, quando eu fui pegar o resultado, escuto a seguinte orientação da atendente do laboratório: "A Drª pediu para tu ligares para a tua médica com urgência!".
Meu Deus! Abro o envelope e entendo o porquê, a bebê passou para o percentil 10!
Liguei para a minha médica que me indicou repouso (mais um!) e monitorização atenta dos movimentos da bebê.
- Caso tu percebas redução de movimentos da Gabí, me liga e vai para o hospital.
Disse, ainda que ela preferia esperar mais uns dias mas que, provavelmente teríamos que interromper a gravidez por causa da diminuição do ritmo de crescimento dela. Não conseguimos encontrar explicações para o que estava acontecendo. Não havia problema algum com a minha placente, nem com a transmissão de nutrientes. Eu não estava anêmica. Eu estava ganhando peso normalmente. Eu fiquei sem trabalhar 15 dias (o que, teoricamente, afasta a relação com o estresse)...
Fiquei muuuuito chateada por ter que desistir do parto normal, mas compreendia que era para o bem da minha filhinha.

17 e 18/12 (sexta e sábado): Passei dormindo mal e muito ansiosa. Acordava no meio da noite e mexia na barriga, com medo da bebê não se mexer. Teria consulta na segunda com a minha obstetra e estava decidida a pedir para ela fazer a cesárea logo, antes que eu pirasse!

19/12 (domingo): Depois do almoço, me recostei na cama com um pote de sorvete. De repente, lembrei que fazia algum tempo que eu não verificava os movimentos da bebê. Comecei a mexer na barriga e fui me desesperando ao ver que ela não respondia! Chemei o meu marido e fomos para o hospital. No caminho ela deu chutinhos leves que quase me fizeram desistir de ir. Mas como os movimentos pareciam muito fraquinhos, seguimos. No hospital, voltaram a fazer o MAP no qual foi detectado um momento de diminuição dos batimentos da Gabí (de 140 para 60!).
Eram 17h30min. Minha médica ligou para o hospital e pediu para falar comigo. Ela me explicou que o MAP alterado poderia significar sofrimento fetal e como a bebê vinha reduzindo de peso sem causa aparente o mais seguro seria fazermos a cesareana o quanto antes.
Quando? Eu perguntei. Hoje, as 21h. Ela me respondeu.
E foi assim, meio que no susto e misturando apreensão e felicidade que a nossa fofa veio ao mundo medindo 46cm e pesando 2.255kg. A Gabi veio forte, com apgar de 9 a 10 e, graças a Deus, com muita saúde.
Como comentei no começo do post, nossa rotina está bem atribulada mas vou tentar ir postando sobre a nossa bonequinha.

Grande beijo,
Mila e Gabí

7 comentários:

  1. Parabéns pela chegada da sua princesa, não vejo a hora de ler os próximos post´s, com a rotina da Gabi!

    http://maemeninamulher.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Graças a deus deu tudo certo , agora post fotinhas dela .bjs

    ResponderExcluir
  3. Ô, Mila!! As coisas realmente não acontecem sempre como a gente deseja, mas com certeza, Deus está no controle de tudo. Fico feliz pela Gabi ter vindo com saúde e espero que as coisas fiquem cada vez melhores e que vc possa aproveitar bastante essa nova fase da sua vida. Se cuida e dê notícias. Bjsss

    ResponderExcluir
  4. parabens mamae frescaaa...coloca algumas fotinhos da fofissima gabi pra matar nossa curiosidade...rs
    eu estou entrando na 38 semana....ahhh e não passa logo..!!

    ResponderExcluir
  5. Achei seu blog por acaso e me deparo com esse post lindoooo!! PARABÉNSSSS!! Que emoção!!!
    Tudo de mai lindo para vcs!!
    Beijosssss

    https://giogiobebe.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Que maravilhaaa....
    Que Deus abençõe mto vcs.
    Bjao

    ResponderExcluir
  7. Oii, é a primeira vez qe entro no seu blog.Ameiii! Todo charmosinho.
    Parabéns pelo nascimento da sua baby.Felicidades.
    Bjs

    ResponderExcluir