sábado, 26 de fevereiro de 2011

O sono após o nascimento do bebê


Gente, quando comecei a escrever esse post, ia publicar o seguinte: "Desde que a Gabí nasceu (no dia 19/12) eu e o Rick não dormimos mais! Ou melhor, dormimos, mas não mais do que três, três horas e meia seguidas (isso nos momentos "luxuosos"! rsrsrs). Isso porque a nossa bebezinha mama a cada duas, três horas. Na primeira semana de vida a Gabí chegava a mamar a cada 1 hora e meia! E o sono, como fica?"

Bom, mas já faz umas três semanas que eu estava começando a escrever este post e tive que deixar nos rascunhos pois a Gabí tinha acordado (irônico, não?). Voltando ao assunto um tempo depois, tenho boas notícias: a Gabí, atualmente, tem dormido uma média de cinco horas e meia seguidas por noite! Sim, queridas, isto é motivo de muuuuuita comemoração! rsrsrs
Na verdade, percebo que ela está mais "madurinha", mas acho que algumas mudanças em nossa rotina também têm sido fundamentais para que ela passassem a dormir mais durante a noite.
Para as mães (e pais) desesperados em ganhar um tempinho a mais na cama (ou para ter mais tempo para outras coisitas) aqui vão duas sugestões bibliográficas:

Nana, nenê.
Editora Martins Fontes.
Autores: Eduard Estivill e Sylvia de Bèjar

Os segredos de uma encantadora de bebês
Autora Tracy Hogg

Adorei os dois livros, mas confesso que algumas partes acho radical demais para aplicar. O "Nana", por exemplo, afirma que a criança deve ir para a cama até as 21h, 21h30min. Só que se eu cumprisse tal horário, não veria meu marido (que chega em casa do trabalho as 23h) e teria um bebê acordadérrimo as 2h30min, 3h da manhã todos os dias!
Já o "Segredos" propõe a rotina EASY (Eat = comer, Activy = atividades, brincar, Sleep = dormir e You = um tempo para você) que deve ser seguida nessa ordem. Acontece que a Gabí SEMPRE dorme mamando e fica absolutamente relaxada depois da mamada. Discordo da autora quando diz que se deve acordar a criança que dorme mamando. Imaginem a cena, eu tentando acordar uma bebê de 2 meses que dormiu mamando porque na rotina Easy depois de mamar ela deve brincar!
Bom, mas os dois livros também têm um montão de coisas interessantes. Os dois falam da importância de uma rotina clara (fator que eu acredito ter sido essencial para a Gabí começar a dormir melhor) e de se observar o bebê. O "Segredos" fala muito de se observar o tipo de choro, prestar atenção nos movimentos corporais do bebê e tentar interpretar suas necessidades.
Recomendo a leitura dos dois, sempre se adequando os conselhos a sua realidade e a sua percepção do que é melhor para seu bebê.
Beijocas um pouco menos sonolentas,
Mila (e Gabí)

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Gabí - 2º mês de vida

Geeeeenteeeee...
Vocês devem estar notando a minha sumida, né? Acontece que com o nascimento da Gabí a nossa vida deu uma volta de 180º! Ter um bebê novinho em casa muda bastante a rotina da mamãe e do papai (principalmente quando ele é participativo na rotina da dupla mãe-bebê) e do casal. Falo em mãe/pai e casal porque, a meu ver, a execução desses papéis são complementares e, ao mesmo tempo, diferentes.
No nosso caso, a chegada da Gabí tem nos unido muito como casal. Acho que para isso, o diálogo tem que permanecer constante na relação já que nesse primeiro momento de vida do bebê é normal o romance ficar um pouco de lado e os dois focarem suas energias no novo habitante da casa.
Bom, mas falando da nossa Gabí, ela tem se mostrado cada dia mais fofa! Fez 2 meses no último dia 19 e está cada dia mais esperta! De uma semana para a outra começou a sorrir e até já deu duas gargalhadas barulhentas!
Abaixo ela "conversando" com o peixe que o dindo e a dinda deram...



Não está cada dia mais lindona?